Os Limites do BDSM

Este é um conteúdo que visa explorar uma opinião mais pessoal, porém, acredito que sensata, quais os limites do BDSM e suas variáveis. Caso você seja um iniciante e esteja buscando saber mais sobre o mundo BDSM como um todo a resposta não é tão simples e objetiva.

Os limites podem ou não ser impostos na prática do relacionamento. Quando iniciei no mundo BDSM, conversei com várias pessoas, buscando quem pudesse me mostrar um mundo desconhecido, mas do qual eu estava muito disposto a explorar, o resultado não foi bom inicialmente, todas as mulheres das quais conversei queriam alguém já experiente, que soubesse seus limites, mas então como ingressar em um mundo novo, sendo que as pessoas não estão dispostas a lhe auxiliar nisto?

A resposta é simples, apenas insistindo e conversando, sendo consciente do que você busca, o que está disposto, até onde acha que vai poder ir, não importa se você é um(a) dominador(a) ou um submisso(a). Esteja ciente de que muitas das pessoas do meio, não estão dispostas a lhe “ensinar”, mas esteja ciente de que isto pode ser algo do qual lhe trará possibilidades.

Dor e Prazer

Cada pessoa tem características que as diferem, em relação ao BDSM não é diferente, para muitos, a dor e o prazer se misturam, por tanto, muitos consideram que, ao você sentir mais dor que prazer e, após término do momento você não recordar destes momentos com excitação, talvez seu limite tenha sido excedido, dando lugar apenas a dor.

Neste caso, vale uma reflexão antes mesmo de considerar que nunca mais terá nenhuma relação BDSM, pois, talvez que houve foi a falta de comunicação em relação aos limites impostos, ou com relação aos sinais de que seu parceiro está ultrapassando seus limites de prazer, entrando no campo da dor.

Classificados BDSM

Os Limites do BDSM